Até o sol com sua grandeza se põe e deixa a lua brilhar!


“A humildade não está na pobreza, não está na indigência, na penúria, na necessidade, na nudez e nem na fome. A humildade está na pessoa que tendo o direito de reclamar, julgar, reprovar e tomar qualquer atitude compreensível no brio pessoal, apenas abençoa” Chico Xavier


Um dia desses, após uma de minhas palestras, o curador do evento aproximou-se e elogiando minha palestra agradeceu pela minha humildade, dizendo, para minha surpresa, que é comum os palestrantes serem “metidos”.


Esse comentário fez com que eu escrevesse este artigo e refletisse que assim como devemos ser humildes para aprender também devemos ser ainda mais humildes para ensinar, afinal, com certeza, não somos melhores que ninguém. Posso, possivelmente, saber mais a fundo um determinado assunto, mas certamente não todos, assim como, nem todas as habilidades.


Por que, então, não agimos mais como uma criança de 7 anos que interage com outra criança com seu coração aberto para novas amizades e curiosidades? Já parou para pensar nisso? Que todos nós somos semelhantes, que possuímos algumas habilidades, outras não, e assim, também, as outras pessoas. Que cada um tem o seu tempo, sua velocidade, suas necessidades e suas virtudes?


Há um tempo atrás acompanhava nas redes sociais um colega que treinava para uma prova de 10 km. Mesmo sem muito interesse, eu era levado a acompanhar o passo a passo da preparação já que diariamente fotos eram postadas. No dia do evento, foram inúmeros cliques durante o início da prova, mas, para minha surpresa, nenhum clique ao final. Tempo depois eu soube que a prova não havia sido concluída por motivos físicos.


Então me pergunto: “Por que só o lado feliz e vencedor é mostrado nas redes sociais e também na vida”?


Por que não mostrar também o lado do não consegui desta vez, apesar de todo meu esforço, mas estarei pronto para nova tentativa aonde procurarei me superar ou mostrar sem medo ou receio que somos humanos e propensos a erros e insucessos? Humildade é mostrar sua vulnerabilidade, mostrar que nem tudo está sempre tão bem assim.


Humildade também é sinal de inteligência, unindo os indivíduos ao contrário do orgulho. Sendo humilde e ajudando os demais a chance de um dia você ser ajudado passa a ser maior, pois lembre-se que todos nós precisamos de algum tipo de ajuda em algum momento da vida.


“Para o orgulhoso a humildade é uma humilhação” Eclesiástico 13.20


Esperar o tempo da vida para as respostas que queremos de imediato é outro sinal de humildade. Lembrar que por mais que sejamos sucedidos profissionalmente, tenhamos conhecimento ou posição social não somos nada mediante os acasos da vida e do tempo. Que nunca saberemos com quem realmente estamos falando, pois todos têm suas bagagens, suas histórias e consequentemente seus valores.


Não queira estar sempre certo, apenas os tolos estão sempre corretos, os sábios procuram estar atentos à novos conhecimentos, aceite críticas e não fique melindrado com elas.


Antes de ser um excelente profissional, seja um bom ser humano, procurando ter a consciência de quem se é, que somente um ser humano pode salvar a vida de outro e aí, talvez, um dos maiores exemplos de humildade seja confessar a outro ser humano precisar dele para existir.


“O dinheiro faz homens ricos, o conhecimento faz homens sábios e a humildade faz grandes homens” Gandhi


Vale refletir.


Sucesso !


O tema deste artigo poderá ser trabalhado pelo palestrante motivacional André Castro em sua palestra de motivação contribuindo, desta forma, para que os participantes alcancem suas metas e objetivos profissionais e pessoais.






Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.